Comandante do GEOSAC elogia ação de policiais e fala sobre prisão de assaltantes de banco

0
2001

Na manhã desta segunda-feira, 29 de janeiro, a rádio Campina FM entrevistou o comandante do Grupamento Especializado em área de Caatinga (Geosac), major Wherick Lima, acerca da prisão de três assaltantes de banco presos pela Polícia Militar, no sábado (27/jan), após ‘explosão’ do banco de Taperoá (PB).

De acordo com o major, o êxito da ação foi fruto de uma junção de forças, a começar pelo primeiro embate policial, empreendido pelos militares do destacamento que fecharam as saídas da região, fazendo com que os bandidos corressem para o mato.

Especializado em busca e perseguição naquela geografia, o Geosac foi acionado e entrou em ação, dando continuidade ao trabalho dos policiais do destacamento, e prendendo os criminosos.

“Por vezes, a gente se atém muito aos policiais de tropa especializada, e não damos tanta ênfase aos policiais do destacamento, ao fazerem um cero da área, fecharem as passagens, atuarem no primeiro combate. Então, destaco aqui a importância da ação daqueles militares”, disse Wherick, ao Jornal Integração da Campina FM.

Na ação, a Polícia Militar apreendeu três fuzis, três pistolas e muita munição, além de material explosivo. Os presos são Alécio Marreiro Teodósio, 33 anos; Agliberto Teodósio dos Anjos Junior (irmão de Alécio), 28 anos; e Halisson José dos Santos, 35 anos. Um dos detidos era chefe da Guarda Municipal da cidade de Cubati.

Criação

Com sede na cidade de Pocinhos, o Geosac foi oficialmente criado em 2017 e é diretamente subordinado ao Comando-Geral da Polícia Militar. Suas missões específicas são operar em ambientes rurais, dando apoio às unidades de polícia local, além do enfrentamento às quadrilhas de assaltantes de banco.

Apoio popular

Major Wherick disse ainda que a própria sociedade pode contribuir, de forma discreta e eficaz, para a prisão desses bandos. “Às vezes, o cidadão percebe pessoas estranhas em sua cidade, rondando na frente dos bancos, e isso pode ser uma informação importante para a polícia”, lembrou o comandante.