Segunda-Feira, 26 de Junho de 2017

Publicidade

ASPOL

Publicada em 10/06/2014 | Autor: QAP

R$ 800,00 ou R$ 3 mil? - Comissão especial debate piso salarial nacioal de vigilantes
R$ 800,00 ou R$ 3 mil? - Comissão especial debate piso salarial nacioal de vigilantes

A Comissão Especial da Câmara dos Deputados agendou audiência pública para colocar em debate a definição do piso salarial nacional para os trabalhadores vigilantes. A audiência será realizada na próxima terça-feira (10), às 15h, em plenário a ser definido do Anexo II da Câmara. 


O presidente da Confederação Nacional de Vigilantes e Prestadores de Serviço (CNTV-PS), José Boaventura, foi convidado para participar da audiência e terá 20 minutos para expor suas considerações sobre o assunto. Além de Boaventura, representantes dos bancários também integrarão o debate a favor da causa dos trabalhadores.

 

O objetivo da audiência é proferir um parecer sobre o projeto de lei nº 4.538/2012, do Senado Federal, que propõe mudanças em no artigo 19 da lei nº 7.102 de 1983, estipulando assim uma base salarial para empregados em empresas particulares que explorem serviços de vigilância e transporte de valores.

 

De acordo com o texto do projeto de lei, o piso pode variar de R$ 800 a R$ 1.100. Já a CNTV defende que o piso seja de R$ 3 mil, conforme aprovado em Congresso em outubro de 2013. A CNTV participará da audiência para, primordialmente, defender um piso salarial digno e compatível às responsabilidades da categoria.


Fonte: CNTV-PS




Leia Também

  1. É LEI: Vigilantes comemoram obrigatoriedade para instalaç...
  2. Paraíba: Sistema de segurança acusa invasão sem disparar ...
  3. BAHIA: Assaltantes explodem carro forte e deixam funcionári...

Publicidade

Borda Comunicação