Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017

Publicidade

ASPOL

Publicada em 22/09/2016 | Autor: QAP

AMEP classifica “fim da prisão administrativa” como fruto de muitas lutas
AMEP classifica “fim da prisão administrativa” como fruto de muitas lutas

O Diário Oficial desta quarta-feira, 21 de setembro, publicou um decreto do governo do estado proibindo a aplicação da prisão administrativa para os policiais e bombeiros militares. O fim desse tipo de punição era uma das principais reivindicações da Associação dos Militares Estaduais da Paraíba (AMEP).

Ao longo dos últimos anos, a Associação realizou diversas manifestações pedindo a abolição da prisão administrativa, tendo em vista a sua incompatibilidade com a sociedade atual. Somente os policiais e bombeiros militares eram atingidos por essa medida punitiva.

A AMEP classifica o decreto do governo como fruto de uma longa e incansável luta em defesa dos direitos mais elementares do ser humano, já que por trás da farda existem homens e mulheres dignos de respeito.

Com mais uma conquista alcançada, a meta agora é fortalecermos o pleito por duas medidas não menos importante para a nossa categoria: o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) e a substituição do Regulamento Disciplinar da Polícia Militar (RDPM) por um Código de Ética, que inclusive está em fase de apreciação.

O decreto publicado hoje é mais uma prova de que, com coragem e união, poderemos alcançar não o que para muitos possa parecer “regalia”, mas o que para poucos representa o simples significado da palavra DIGNIDADE.

Assessoria da AMEP




Leia Também

  1. “POLÍCIA NA PORTA?” – Uma análise dos três homicíd...
  2. Com vitória de Sargento Neto em Campina, PM terá oito anos...
  3. Confira o perfil dos palestrantes e os temas abordados no ma...

Publicidade

Borda Comunicação