Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017

Publicidade

ASPOL

Publicada em 01/02/2017 | Autor: QAP

“A Aspol é quem faz o papel do estado”, diz vice-presidente, sobre ajuda a família de policiais
“A Aspol é quem faz o papel do estado”, diz vice-presidente, sobre ajuda a família de policiais

O vice-presidente da Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba (Aspol), Valdeci Feliciano, concedeu uma entrevista à rádio Campina FM, na manhã desta quarta-feira, 1º de fevereiro, que está repercutindo no meio policial.

A conversa versou sobre vários pontos da Segurança Pública na Paraíba, entre eles o desamparo que recai sobre a família de policiais mortos em serviço ou em razão da profissão. De acordo com Valdeci, a associação deliberou, em assembleia, por ajudar os parentes enlutados com três salários mínimos, ao menos para colaborar com os custos do funeral.

– É porque algumas famílias não estão preparadas naquele momento. Mas isso é atribuição do estado. A Aspol está fazendo o papel do estado – disparou o vice-presidente, listando três investigadores da Polícia Civil mortos nos últimos 24 meses.

Estarrecido com essa e outras situações relatadas pelo entrevistado, o jornalista e editor da Campina FM, Lenildo Ferreira, lamentou a situação. “Isso chega a ser cruel”, comentou.

 Ao longo da semana, traremos mais detalhes da entrevista. 




Leia Também

  1. A reunião de ontem e os dois fatores que mostram o crescime...
  2. HOMICÍDIOS: Dados divergem da tese dos “5% de elucidaçõ...
  3. Adepdel diz estar confiante na aprovação de projeto que ir...

Publicidade

Borda Comunicação